sexta-feira, 28 de maio de 2010

coisas que me aborrecem um bocadinho mais à medida que o tempo passa

um leitor dizer que livro x é caro e por acaso o livro x ser um livro que não está à venda em lado nenhum e que nós arriscámos comprar, pagando a pronto, sem saber se seria ou não vendido. porque acreditámos que ter aquele livro era importante. e que eu diga de seguida que mandando vir pela amazon, por exemplo, ficaria sensivelmente pelo mesmo preço (mais um euro, menos um euro), mas que a possibilidade de encontrar um livro numa livraria, um livro que se calhar esse leitor nem saberia que existe, e poder folheá-lo enquanto decide se o compra ou não, também tem valor, não faça grande diferença, quero dizer, mesmo que este leitor decida comprar o livro x fica com aquele ar entre o resignado e o suspeito, coisa que me faz uma certa confusão.