sexta-feira, 17 de junho de 2011

cinema

gostava de ser mais curiosa, de querer experimentar coisas diferentes, picar aqui e acolá, saltitar. acontece que, quando me apaixono por alguma coisa, tudo o resto parece que deixa de existir. quero dizer: satisfaz-me que haja uma Gena Rowlands e não preciso de mais nada, acaba-se ali o cinema, tenho tudo. ou certo bar, onde vou sempre, ou a música que conheço e que vive no mp3 durante séculos até que me lembre de mudar. às vezes apercebo-me que há outras coisas de que eu também gostaria, se experimentasse, picasse, saltitasse.