quinta-feira, 27 de maio de 2010

tudo está bem quando acaba bem

ontem, embora o rui nos tenha alertado, não fizemos a devida homenagem a S. Filipe Néri, o nosso padroeiro. suponho que tenhamos sido perdoados porque dia e noite correram bem na companhia dos seus, o vinho francês estava bom obrigado, e fazer conversa foi do mais fácil que há porque toda a gente falava francês. de resto, cheguei a casa à meia-noite e meia com as bochechas vermelhas e adormeci em 3, 2